Acontece Gramado

O Acontece Gramado acompanha a média móvel dos novos casos em Gramado e em Canela, padrão usado pelos principais veículos de comunicação do país, para retratar um cenário mais realista sobre a situação do novo Coronavírus.

Esta média móvel leva em conta os novos casos apontados de segunda à sexta-feira, já que Gramado e Canela não atualizam seus números aos fins de semana.

A média em Gramado apontava para uma queda e (uma possível estabilização) do número de novos casos no período entre 07 e 20 de agosto. Neste período, Gramado teve uma média de 16,3 novos casos de Coronavírus por dia.

Porém, o cenário mudou a partir do dia 21 de agosto. De lá pra cá foram confirmados 101 novos casos de Coronavírus em Gramado com mais de 30 novos casos positivos por dia, em um crescimento exponencial que eleva a média móvel semanal para 26,5 casos novos por dia.

Confira o número de novos casos por data:

07/08 – 18 novos casos
10/08 – 22 novos casos
11/08 – 02 novos casos
12/08 – 09 novos casos
13/08 – 20 novos casos
14/08 – 22 novos casos
17/08 – 12 novos casos
18/08 – 34 novos casos
19/08 – 14 novos casos
20/08 – 10 novos casos
21/08 – 32 novos casos
24/08 – 31 novos casos
25/08 – 38 novos casos

Situação em cinco meses de pandemia

Gramado chegou hoje, dia 25 de agosto, a 605 casos recuperados de acordo com o boletim epidemiológico do Centro de Operações de Emergências (COE).

684 gramadenses já testaram positivo para o Coronavírus em 5 meses. Deste total, 605 casos já estão recuperados e outros 62 moradores seguem em isolamento domiciliar.

O Hospital Arcanjo São Miguel tem, atualmente, sete moradores de Gramado confirmados com Covid-19: quatro estão na UTI e três estão na enfermaria. Há, ainda, cinco casos suspeitos de Gramado no hospital: dois na UTI e três na enfermaria. 72% dos leitos de UTI estão ocupados.

Hospital São Miguel está com sete gramadenses internados confirmados com COVID-19

Cinco pacientes naturais de outros municípios também estão internados no São Miguel com confirmação de Covid-19: três na UTI e dois na enfermaria. Há mais um caso suspeito de não residentes na UTI.

10 gramadenses já perderam a vida na lutra contra a COVID.

Deixe uma resposta