Acontece Gramado

Olá Hunters, vocês acompanharam nas últimas semanas tudo que aconteceu durante o Festival de Gastronomia de Gramado, entre oficinas, concurso e programação.

Agora vamos falar sobre minhas considerações sobre o Festival.

Primeiramente quero agradecer a equipe do Festival que me deu todo o suporte necessário para escrever estas colunas. Obrigado!

Falando sobre o Festival, este ano tivemos as novidades das oficinas que foram 100% virtuais devido a pandemia. Esta novidade foi incrível, permitindo um maior número de acessos durante as oficinas, que eram limitados na edição presencial. Porém nada melhor do que assistir pessoalmente, então acredito que para o próximo ano possa ser feito um modelo hibrido, onde as mesmas oficinas online sejam presenciais, com seus conteúdos disponibilizados no Youtube da mesma forma que foram este ano.

O concurso de melhor chef também manteve este formado de não presencial e foi transmitido pelas redes sociais, coisa que acredito que deva ser mantido.

Uma coisa que ficou na saudade este ano foram as “barraquinhas” de rua, onde cada restaurante apresenta seu prato e podemos consumir na rua curtindo os shows disponibilizados pelo festival. Por motivos óbvios não puderam ocorrer, porém os restaurantes participantes receberam o público em seus espaços, coisa que acredito que foi bom, pois “democratizou” o ir ao restaurante. Com valor acessível de R$40,00 o prato você poderia curtir em restaurantes exclusivos com shows e atrações artísticas também.

Disse aos organizadores e repito aqui. Estamos em meio a uma pandemia e o Festival foi totalmente redesenhado para atender a todos e para mim foi um sucesso além de ter apresentado algumas novidades que devem ficar, como o e-book com todas as receitas do festival e as oficinas hibridas. Resumindo SUCESSO ABSOLUTO!

E no próximo ano teremos como tema “Itália” no 13º Festival de Cultura e Gastronomia de Gramado.

Essas são minhas conclusões, hunters, da nossa série de colunas especiais, e na próxima semana vamos retomar nossas colunas sobre a cultura pop da Gastronomia, atualidades e curiosidades como “ O Reiki na Gastronomia”.

Até a próxima caçada…

Formado em Gastronomia pela FMU (Faculdades Metropolitanas Unidas) em São Paulo

Deixe uma resposta