Dólar: R$ 5,43

Euro: R$ 5,93

Weather Icon
Gramado9°C, garoa de leve intensidade
Search
Close this search box.
Novo projeto quer promover resgate histórico e cultural do Parque Knorr em Gramado

Compartilhe nas Redes Sociais

Facebook
Twitter
WhatsApp

Na última quinta-feira, 27 de junho de 2024, a empresa proprietária do Parque Knorr Gramado, protocolou junto ao Ministério Público e o Executivo de Gramado um novo projeto de revitalização, com o intuito de preservar e valorizar o patrimônio histórico, artístico e cultural de Gramado.

O projeto foi cuidadosamente elaborado e respeita as diretrizes estabelecidas pelo Decreto 096/2018, seguindo rigorosamente os parâmetros definidos pelo IPHAE (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado).

As referências incluem o parecer IPHAE 009/2016 e o Ofício 027/2018, que orientam o tombamento e a preservação do parque. Além disso, a iniciativa está alinhada com as recomendações do Município de Gramado, conforme descrito no Parecer 49/2024 e nas atas de reuniões técnicas, visando a reconstrução do Parque Knorr-Belvedere, ocupando a mesma porcentagem de áreas da “Aldeia do Papai Noel”.

O Parque Knorr, uma joia histórica de Gramado, é conhecido por sua importância cultural, tendo sediado a primeira Festa das Hortênsias, evento precursor dos festivais da cidade, como a FEARTE e o Festival de Cinema de Gramado.

O novo projeto visa não apenas a conservação do parque, mas também o resgate das belezas naturais desse parque tão importante para a história do município, garantindo a sustentabilidade e os recursos necessários para sua manutenção.

Segundo os novos gestores, a revitalização do Parque Knorr será um tributo vivo à herança de Gramado, unindo história, natureza e cultura em uma experiência única e inesquecível. O projeto promete transformar o parque em um espaço onde a comunidade e os visitantes poderão se reconectar com a beleza e a história da região, desfrutando de paisagens deslumbrantes e uma rica programação cultural.

Este é um passo significativo na missão de resgatar e valorizar o patrimônio cultural do Rio Grande do Sul e fortalecer o turismo em Gramado. Queremos que a comunidade se sinta parte deste projeto, pois esse precioso patrimônio faz parte da história da cidade, o que torna o Parque Knorr um símbolo de orgulho e identidade para todos os gramadenses”, destacou o Grupo HR em nota.

Ainda, segundo o Grupo HR, com essa iniciativa, Gramado dá um importante passo para preservar sua história e cultura, ao mesmo tempo em que promove o turismo sustentável e fortalece o vínculo da comunidade com seu patrimônio. O Parque Knorr, uma vez mais, se coloca como um marco na história da cidade, pronto para encantar e inspirar futuras gerações.

Ocorrendo a liberação do Poder Público, o planejamento é um prazo de três meses de trabalhos até a reabertura do parque para visitantes e comunidade. A ideia é que esteja em funcionamento até o início do Natal Luz.

Portão de Acesso – Atualmente, existem apenas as estruturas laterais, que serão mantidas e revitalizadas com revestimento em pedra de basalto, típica da região. As luminárias e o portão, ambos em ferro na cor marrom, são bem trabalhados, conferindo a imponência necessária para o paraíso que se encontra na parte interna.

Imponente portão será revitalizado com imponência. Créditos: Divulgação.

Capela – A estrutura existente da capela foi mantida, passando por revitalização com nova pintura externa e tratamento especial do jardim. Foi acrescentada iluminação para ressaltar a importância da edificação. Na parte interna, foi revitalizada com pintura e iluminação, além de ser proposto um espaço de contemplação com um pequeno altar.

Novo espaço da Capela com altar e iluminação. Créditos: Divulgação.

Espaço do Mirante – A estrutura pré-existente foi removida para dar lugar a um espaço de café, acolhedor e integrado ao contexto de vegetação e ao conceito do entorno, permitindo a contemplação da bela vista do Vale do Quilombo. Utilizamos vidro para permeabilidade visual, madeira e o típico telhado da região. O mirante foi construído em ferro e madeira, integrando-se harmoniosamente ao ambiente.

Espaço do Mirante promete ser uma das atrações concorridas do novo local. Créditos: Divulgação.

Uma resposta

  1. Sou gramadense de nascimento, alma e coração embora com 40 dias fui para POA onde minha mãe, então viúva, conseguiu emprego por lá e me criar. As minhas férias escolares eram sempre em Gramado na casa de tios. A minha adolescência foi aqui – Parque Knorr, Lago Negro, Sociedade Recreio Gramadense, Sociedade Minuano, Cascata dos Narcisos e fã até hoje dos chocolates Prawer. Fico muito feliz com a preservação do parque. Fico por vezes triste com a invasão dos prédios, acabando por destruir a natureza maravilhosa dessa região. Obrigada por entender que é preciso preservar a natureza e boa sorte com o trabalho. Hoje tenho 72 anos e quero ainda visitar o Parque pronto.

Deixe uma resposta

Fique por dentro das notícias

Digite seu endereço de e-mail para fazer parte do nosso mailing e ficar por dentro de todas as notícias

Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “Aceitar” ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.

Espere um momento!

Assine nossa Newsletter e fique por dentro de tudo que Acontece

Não se preocupe, você será notificado apenas quando houver conteúdos novos em nosso site.

Ao clicar em “Assinar”, você concorda com nossa Política de Privacidade

Espere um momento!

Assine nossa Newsletter e fique por dentro de tudo que Acontece

Não se preocupe, você será notificado apenas quando houver conteúdos novos em nosso site.

Ao clicar em “Assinar”, você concorda com nossa Política de Privacidade